Distância em nós


O mundo é vasto, tão vasto,
Há cidades e pessoas que nunca vou conhecer,
Paisagens que só me serão distantes…
E o meu coração, leve, como uma ventania que passa,
Às vezes sorri, às vezes chora,
E sente tanto quanto o mundo
Na sua pequena viagem.

Álvaro Machado – 15:16 – 14-01-2014

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Da outra margem!

de folha em folha, tudo cai vão

Jorge de Sena - Uma pequenina luz bruxuleante