Alguém...


Melhor do que ti é o que tens para dar
E é em ti que há a força de mover,
Arrastar e iludir e corações rasgar
Corações tantos que fazes comover…

Tens chama, sabedoria, alma intocável…
Tens amor para os que merecem
E mistério para os que desaparecem
Com um invisível passo insuperável

Mas quem é esse misterioso?
Deus sabe-o assim como tu julgas saber
Mas ambos sabem não o conhecer
Pois, esse tal é, p’ra vida, alguém poderoso…

Ele manda em mares como tu mandas,
Ele vê o futuro mais desprezível
E quando tu achas o impossível
(Uma impossível forma de imagens)
Ele, espírito honroso, sobe as escadas,
E transparece-se-lhe miragens…

Estou na esplanada e escrevo isto
Que é surreal ou real… Não sei…
E, com tudo isto, eu julguei,
Não ser eu escritor disto…

Álvaro Machado - 20h00 - 06-09-2012

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Da outra margem!

de folha em folha, tudo cai vão

Jorge de Sena - Uma pequenina luz bruxuleante